in

Indiciada por falsa comunicação de crime jovem que disse ter sido marcada na barriga em Porto Alegre

Resultado de perícia indica que jovem teria se autoflagelado, ou teria sido marcada com o próprio consentimento 

O resultado dos exames de perícias realizados na jovem de 19 anos que procurou a polícia no dia 8 de outubro em Porto Alegre,  e afirmou ter o corpo marcado por apoiadores do candidato a Presidência da República Jair Bolsonaro, do PSL, com uma suástica (símbolo nazista), apontaram que as marcas teriam sido feitas pela própria jovem, ou por alguém com o consentimento dela, uma vez que as marcas são retilíneas e demonstram que foram feitas sem que ela tenha esboçado qualquer reação e totalmente superficiais.

A jovem ao procurar a polícia disse que havia sido abordada por três homens apoiadores de Bolsonaro, quando descia de um ônibus no bairro Cidade Baixa em Porto Alegre, capital gaúcha.

Durante o exame de corpo de delito, ela disse “ter sido agredida, no dia anterior, por duas pessoas que a teriam imobilizado e por uma terceira que teria realizado uma inscrição em sua ‘barriga'”. Acrescentou “haver apenas uma lesão, a qual, segundo ela, teria o aspecto de uma ‘suástica'”.

Segundo o delegado responsável pelo caso, além do exame pericial, foram feitas várias diligências para encontrar os culpados, e que mais de 20 pessoas moradoras do local onde ela disse ter sido agredidas foram ouvidas, porteiros, moradores, comerciantes locais, e ninguém viu ou ouviu qualquer coisa no dia que teria ocorrido o fato de acordo com ela.

Então juntando todos os fatos ele conclui que ela será indiciada por falsa comunicação de crime.

“Toda a área que ela percorreu identificamos 12 câmeras, uma visão muito boa, ela não aparece, tampouco alguma agressão. Delito de pequeno poder ofensivo, a pena é de seis meses a um ano, estamos encaminhando ao Judiciário, ela é indiciada.”

O delegado diz não ter dúvidas sobre o caso. “Para nós o laudo é bastante conclusivo. Ou houve um autoflagelo, ou foi com consentimento da vítima.”

A advogada da jovem, Gabriela Souza, disse que ainda não teve acesso ao laudo, mas que soube do resultado através de um jornalista.

 

 

 


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇


Thumbnails" widget to render:

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Mano Brown detona campanha do PT durante comício do próprio partido

Homem compra cão, mas descobre que na verdade é um outro animal