in

É difícil ligar Bolsonaro a crime no caso do WhatsApp, diz fonte do MPa

Fonte ligada ao Ministério Público com larga experiência classificou como “bobinha” a acusação que a coligação de Haddad impetrou contra Bolsonaro sobre envio de mensagens em aplicativo

Segundo um especialista em crimes nas redes sociais que atua no Ministério Público, será muito difícil imputar ao candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro pelo PSL, o crime de espalhar notícias falsas em massa através do aplicativo de mensagens WhatsApp, que foi noticiado pelo jornal “Folha de São Paulo”.

A fonte disse que além das provas de atuação das empresas em favor de um candidato, demonstrar a ligação direta de quem atuou dessa forma e a campanha beneficiada.

Entretanto até o presente momento, nenhuma prova foi apresentada e a Folha, responsável pela notícia também não apresentou nenhum documento comprovando a veracidade de sua acusação.

A fonte também achou irreal o valor de R$ 12 milhões mencionado pela Folha para se impulsionar conteúdo via essa rede social.

“Na minha percepção é bobinho, chega ser ingênuo a sociedade levantar a bola em cima disso aí. Não é impulsionamento de conteúdo, não tem efeito e, mesmo que seja uma fake news, fake news que um estranho mandou não tem efeito nenhum”, explicou.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇


Thumbnails" widget to render:

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Seria um presente de grego

TSE prossegue ação do PT contra Bolsonaro, mas nega busca e apreensão em empresas