in

A chocante história do cão que está mumificado dentro de uma árvore.

Durante um trabalho uma equipe de madeireiros da empresa Georgia Kraft Corp da Georgia, derrubavam uma árvore, e fizeram uma descoberta que chocou a todos.

Dentro do tronco que estava oco, havia uma cão mumificado. A descoberta foi feita na década de 80.

O animal estava com dentes a mostra e na exata posição em que morreu. Especialistas disseram que se tratava de um filhote, provavelmente de cão de caça de 1960, e que ele deve ter entrado na árvore perseguindo algum outro animal como esquilo ou outros roedores.

De acordo com os exames realizados na carcaça, o animal estava subindo o tronco e deve ter subido até se entalar, e morrer dentro da árvore.

O tipo de árvore favoreceu o processo de mumificação, pois contém substâncias como os taninos encontradas nos carvalhos de castanha, que tornaram possível a mumificação.

Outro fator que foi decisivo para a conservação do corpo como múmia, foi o ambiente totalmente seco dentro da árvore, que sugou a umidade do cadáver como se fosse um vácuo.

O tronco foi levado ao museu que é dedicado à história silvícola, o museu Southern Forest World, em Waycross, na Geórgia (EUA).

Durante muitos anos ele não tinha nome e era reconhecido apenas como cão mumificado. Entretanto no ano de 2002, ganhou o nome “Stuckie”.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇


Thumbnails" widget to render:

What do you think?

-5 points
Upvote Downvote

Segurança do Carrefour é acusado de matar cachorro a pauladas em SP