Pesquisa aponta que postar rotina fitness é sinal de problema psicológico

Todos temos, pelo menos, um amigo que gosta de publicar, diariamente, sua rotina fitness nas redes sociais. Provavelmente, temos vários que curtem fazer isso. Talvez nós até sejamos a pessoa que tem esse tipo de atitude.

 Apesar do teor motivacional que #publicações do tipo podem ter (para alguns, já que muitos outros odeiam esse tipo de postagem), uma #pesquisa feita pela Universidade Brunel, em Londres, apontou que o #hábito pode ser menos saudável do que se parece. E o reflexo principal não é físico, mas #psicológico.

O estudo realizado pela instituição de ensino afirma que pessoas que se sentem, de alguma forma, “viciadas” em publicar sua rotina fitness nas redes sociais sofrem de problemas psicológicos. A evidência é clara: trata-se de um ato altamente narcisista, praticado com o intuito de se gabar do tempo investido na própria aparência.

Leia mais:

Rotina fitness e ‘batalha de curtidas’

Ainda segundo o #estudo feito pela Universidade Brunel, o tipo de publicação que narra, de alguma forma, a rotina fitness de alguma pessoa, atrai mais #curtidas do que outras categorias de posts.

No entanto, não quer dizer que os demais internautas que “depositaram o like” realmente gostaram do que foi divulgado: pode ser, meramente, uma forma política de manifestar apoio a uma determinada insegurança. (Veja também: 4 verdades inusitadas e 4 mitos mentirosos sobre sexo)

A menos que você seja muito criativo e diferenciado em sua rotina fitness (o que realmente pode inspirar muitas pessoas a pegar no supino ou calçar o tênis de corrida), a recomendação da Dr.ª Tara Marshal, autora do estudo, é que você guarde para si as postagens diárias com seu progresso na academia.

A recomendação foi pensada não só para que os amigos não se incomodem mais com publicações do gênero, mas também para que o narcisismo fique um pouquinho de lado.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here